UFS abre concurso público

UFS está com inscrições abertas em 2017.

A Universidade Federal de Sergipe (UFS) divulgou o edital n° 17/2016 de concurso público destinado ao provimento dos cargos vagos de Professores da Carreira do Magistério Superior, para atender as necessidades dos Campus de Lagarto, de Itabaiana e de São Cristóvão.

Confira as vagas:

Campus de São Cristóvão: Física/Adjunto- A (01); Engenharia Agrícola/Adjunto- A (01).
Campus de Itabaiana: Ciências Contábeis/Assistente- A (02).

Campus de Lagarto: Enfermagem/Adjunto- A (01); Medicina/Auxiliar (03).
As remunerações variam de acordo com as denominações e titulações dos docentes, podendo chegar a R$ 5.123,90, em regime de trabalho de 40 horas

semanais ou dedicação exclusiva. O concurso será coordenado pela Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (Progep) e a aplicação das provas será executada pela Comissão Examinadora instituída pelo departamento/núcleo responsável pela vaga.

Como fazer sua Inscrição para o Concurso da UFS 2017

As inscrições poderão ser realizadas até o dia 13 de dezembro de 2016, exclusivamente via internet, através do endereço eletrônico www.progep.ufs.br.

Os valores cobrados pelas taxas de inscrições são os seguintes:
Classe - A denominação Auxiliar: R$ 70,00.

Classe - A denominação Assistente- A: R$ 100,00
Classe - A denominação Adjunto- A: R$ 150,00

Os inscritos serão submetidos à prova escrita, prova didática, prova de títulos e, no caso de Professor Adjunto, também prova do projeto de pesquisa. As provas serão aplicadas nas datas informadas pelas comissões examinadoras, cabendo ao candidato acompanhar as publicações.

O prazo de validade do concurso público será de um ano, a contar da data de publicação da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado por igual período, a critério da instituição.

Edital e eventuais alterações: http://progep.ufs.br/conteudo/21232-edital-n-017-2016-professor-efetivo

UFS 

O Laboratório de Estudos do Poder e da Política foi fundado em 2007 e atualmente é formado pelos professores Wilson José Ferreira de Oliveira, Fernanda Rios Petrarca e por estudantes (graduação, mestrado e doutorado) da área de Ciências Sociais e está vinculado ao Departamento de Ciências Sociais (DCS) e aos Programas de Pós-Graduação em Sociologia (PPGS), em Antropologia (PPGA) e em Comunicação (PPGCOM) da Universidade Federal de Sergipe.

O grupo está estruturado em torno de um conjunto de preocupações analíticas comuns, dentre as quais se destaca o estudo das concepções nativas e dos princípios de estruturação e de funcionamento do poder e da política nas sociedades contemporâneas, a apreensão das lógicas de interseções entre

diferentes esferas sociais (política, militantes, cultural, profissional, religiosa, científica, etc.) e a investigação dos processos de recrutamento e de seleção e das estratégias de reprodução e consagração social acionadas por grupos sociais diversificados (políticos, profissionais, militantes, culturais, religiosos, etc.).

A produção acadêmica decorrente dessas orientações analíticas resultou em diversas teses e dissertações, em artigos publicados em periódicos especializados e em trabalhos apresentados, principalmente, em eventos científicos nacionais e internacionais com divulgação em anais, servindo inclusive

de estímulo à formação de Cientistas Sociais, Mestres e Doutores. As ações desenvolvidas estão voltadas para a realização de pesquisas sobre os movimentos sociais, os partidos políticos, os grupos profissionais, a formação de elites políticas, culturais, profissionais e religiosas, as políticas públicas.